1689 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (1 vote cast)

Mini Cine Tupy

José Zagati, catador de papelão de Sítio das Madres, assentamento na periferia de São Paulo, montou uma pequena sala de cinema na garagem de sua casa, com materiais encontrados no lixo, para poder exibir filmes para as crianças da vizinhança. O cinema funciona todos os domingos e a sessão começa assim que anoitece. Se não chover: é que o projetor fica desprotegido na calçada, para que tenha maior distância da tela. No Mini Cine Tupy a entrada é franca.

Tema: ARTES

Tags: especial_inclusao, lixo, periferia, sala_de_cinema, são_paulo

Programa Relacionado: Tudo pelo Cinema

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 10'

Diretor: Sérgio Bloch

Produtor: Sérgio Bloch e Marcos Mota

Ano: 2002

Formato: HD

Montagem: Jordana Berg

Som Direto: Joaquim Santana

Fotografia: Jacques Cheuiche

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

  1. Edivaldo Moura disse:

    Que história apaixonante! O cinema está mesmo no sangue de algumas pessoas. Adorei o filme!

  2. BDttTsqmBQRwGnaztUn disse:

    I’m impressed! You’ve mnaaged the almost impossible.

CURTAS RELACIONADOS

Ed Wood era Fã de Orson Welles!

Um documentário sobre um cineasta que não é Ed Wood e nem Orson...

Pedro – Ofício Tipógrafo

Pedro é um dos poucos tipógrafos que resistiram na cidade de Jacareí, interior de São Paulo, ele conta um pouco...

Crônicas do estrangeiro

A situação do imigrante na capital espanhola sob o ponto de vista de um cronista...

Documentário Inventovoceinventa

O documentário Inventovoceinventa consiste em um registro poético-audiovisual sobre a circulação do objeto NBP – Novas Bases para Personalidade. O...

Rádio Amnésia na Bahia de Tumbalalá

Com a ideia de se propagar comunicação livre é que a rádio amnésia montou sua estrutura em frente a igreja,...

As Cores do Lixo

Um dia em um pequeno galpão de reciclagem. Todos os restos e as sobras. Aquilo que ninguém...