1531 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 3.0/5 (1 vote cast)

O olhar de Zezita

Documentário sobre a vida e obra da atriz paraibana Zezita Matos sob uma visão intimista e sensível. A infância em Pilar, a descoberta do próprio nome, os anos cruéis da ditadura militar, o amor pelo teatro e fascínio pelo cinema, o lado educadora, mulher, mãe e cidadã. O olhar de Zezita é um relato sobre o talento e determinação de uma mulher que a mais de 50 anos atua nos palcos e em dezenas de filmes brasileiros. A menina que adorava assistir filmes no mercado público da pequena cidade de Pilar, hoje é considerada a dama do teatro paraibano.

Tema: ARTES

Tags: paraíba, teatro, zezita_matos, zezitamatos

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 20'3"

Diretor: Mercicleide Ramos

Produtor: Kátia Dumont

Ano: 2011

Formato: HD

Montagem: Davi Abraão e Mercicleide Ramos

Som Direto: David Ricardo

Fotografia: Lúcio César

Trilha: Bruno Alves

Festivais:
Fest Aruanda,Festival Imagem Movimento, I Mostra de Jornalismo da Faculdade Mauricio de Nassau

Filmografia do Diretor:
Trabalhos como diretora
Dois e Trinta; (documentário – 2009)
O olhar de Zezita; (documentário – 2011)
O Senhor dos Parques;(documentário – 2011)

Trabalhos audiovisuais como produtora
O olhar e a luz; (documentário - 2010)
Também Sei Fazer Cinema; (documentário – 2009)
O Verdadeiro Artesão; (documentário – 2008)
Não Vai Pelo Ralo; (serie de reportagens – 2008)
O Ponto; (experimental – 2007)
O Saco de Histórias; (documentário – 2007)
Dois Mundos; (ficção – 2006)
Hipertensão; (experimental – 2006)



Comentário do Diretor: Comecei a planejar o documentário em 2010 e só em outubro de 2011 ele ficou pronto. Na equipe contei com 14 profissionais da área de comunicação. Esse foi o primeiro documentário da Paraíba realizado exclusivamente com recursos privados. O vídeo conta a trajetória de vida da atriz paraibana Zezita Matos, ela atua há mais de 50 anos nos palcos paraibanos e já participou de dezenas de filmes brasileiros, entre eles, Céu de Suely, Cinema Aspirinas e Urubus, Mãe e Filha e tantos outros. Zezita Matos é considerada a dama do teatro paraibano e tem em sua história momentos belos, a exemplo da descoberta do próprio nome quando estudava em uma escola de freira na cidade de Campina Grande. Também fez parte do partido comunista e acabou sendo perseguida durante a ditadura militar. Enfim, é um documentário que revela a força da mulher brasileira, em especial a nordestina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

Ocupar, resistir, produzir

Mulheres do Movimento dos Sem Terra - MST - falam sobre o significado o lema "ocupar, resistir, produzir".

Vintena Brasileira – Concertos Didáticos

Vintena Brasileira é uma orquestra de música instrumental composta por músicos de distintas cidades do interior do estado de São...

Infernos

Filme que aborda a vida e a obra do poeta Nauro Machado, pai do diretor, de forma livre, misturando filme...

Noiva de Deus

O que faz uma mulher que deixa de ser amada por um homem? Se vinga como Medéia ou conta histórias,...

Mensageiras da Luz – Parteiras da Amazônia

Documentário sobre a vida das parteiras tradicionais do Estado do Amapá.

Tio Lino, Rocinha o Mundo da Arte

O artista plástico autodidata Tio Lino cria maquetes de favela com lixo reciclado da favela, e mantém às próprias custas...