1320 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 1.6/5 (5 votes cast)

Saúde mental, a arte de humanizar

O documentário conta a experiência transformadora que enriqueceu as práticas terapêuticas: as oficinas artístico-criativas do Hospital Neuropsiquiátrico, na cidade de Córdoba. Ao longo da história, a doença mental tem produzido marginalização social. Talvez a dificuldade em compreender estas expressões do comportamento humano levou ao isolamento como única resposta. Este documento também faz um passeio pela história institucional do lugar e da evolução no tratamento para a doença mental. Mas, sobretudo, o foco deste documentário é destacar a ação dessas oficinas autogestadas que encontram na interação com a comunidade, nos laços sociais e no respeito aos direitos humanos, ações que humanizam e sensibilizam as práticas na saúde.

Tema: ARTES

Tags: psiquiatria_derechos_humanos, psiquiatria_direitos_humanos, tratamento_psiquiatrico

FICHA TÉCNICA

País: Argentina

Duração: 28'11"

Diretor: Marcos Ordoñez, Carolina Rojo y Cecilia Galasso

Produtor: Holistica Comunicaciones

Ano: 2011

Formato: HD

Montagem: Carolina Rojo y Cecilia Galasso

Som Direto: Carolina Rojo y Cecilia Galasso

Fotografia: Carolina Rojo y Cecilia Galasso

Trilha: Domingo Suárez

Prêmios:
Acorca 2012

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

Sangue no chumbo

Abra Pampa, um povoado de Jujuy, esconde um terrível segredo entre suas ruas e no sangue de quase todos os...

3 º aniversário do Golpe em Honduras

Há três anos do golpe de Estado em Honduras, imposto pelas Fuerzas Armadas que derrubaram o então Presidente Manuel Zelaya...

O nome é a última coisa que escolhe

É dezembro. Uma equipe de documentaristas chega à rodoviária de Belo Horizonte em busca de pessoas que tenham histórias para...

Zadoque – A igreja do rock

Narra histórias de jovens da cena underground da periferia de São Paulo. Punks, anarcopunks, skinheads, clubbers, headbangers e metaleiros que...

Bom Dia, Meu Nome é Sheila… ou Como Trabalhar em Telemarketing e Ganhar um Vale-Coxinha

Fagner vendia planos de saúde pelo telefone. Valéria trabalha há 19 anos numa das maiores centrais de teleatendimento do país....

Pedro – Ofício Tipógrafo

Pedro é um dos poucos tipógrafos que resistiram na cidade de Jacareí, interior de São Paulo, ele conta um pouco...