10907 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 4.3/5 (3 votes cast)

A Teia Pagã: Bruxaria e Paganismo na Rede Virtual

Culto aos ciclos da natureza, práticas politeístas, rituais de magia e conexão com as energias cósmicas. Todos esses elementos são característicos do paganismo, um conjunto de tradições religiosas que resgatam práticas de bruxaria e antigas crenças da Europa pré-cristã. Na atualidade, as vertentes do paganismo, inclusive no Piauí, são difundidas e ganham fôlego com a ajuda da internet e das ferramentas virtuais.
O documentário traz depoimentos de magos e bruxas reais, que vivem no Piauí e contam detalhes sobre suas crenças e práticas religiosas.

Tema: COMPORTAMENTO

Tags: comunicação, comunicación, paganismo, piauí, religião

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 29'

Diretor: Rafael Nolêto

Produtor: Rafael Nolêto

Ano: 2011

Montagem: Márcio Bigly e Talyta Magno

Som Direto: Rafael Nolêto

Fotografia: Rafael Nolêto

Trilha: Rafael Nolêto

Festivais:
Virada Cultural de Recife

Filmografia do Diretor:
2011 - Finado Gregório: Mártir Milagreiro.
2011 - A Teia Pagã: Bruxaria e Paganismo na Rede Virtual.
2011 - Artesanato Tupinikim: Cultura e Sobrevivência.
2011 - Turismo em Timon: Perspectivas e Possibilidades.
2012 - La Magia Afro brasiliana (A Magia Afro-Brasileira).
2012 - Sabedoria da Mata: Pajelança e Espiritualidade Indígena.


Comentário do Diretor: O documentário "A Teia Pagã" aborda um tema inédito no meio audiovisual piauiense. A produção foi gravada entre janeiro e Julho de 2011. Possui opções de legendas em português, inglês, espanhol e italiano. O filme tem aproximadamente 30 minutos de duração e é resultado de uma pesquisa acadêmica de graduação em jornalismo, que revela importantes dados sobre a relação da internet com a presença do neo-paganismo no Piauí.
Para a produção foram realizadas entrevistas com a pesquisadora Francisca Verônica Cavalcante e com o escritor italiano Andrea Romanazzi, que opinaram sobre o tema. Além disso também foram ouvidos membros do movimento pagão nas cidades de Teresina, Floriano, Paulistana e Parnaíba. No filme, os neo-pagãos, magos e bruxas modernas revelam de que maneira usam a internet para promoverem o intercâmbio e a difusão pagã na atualidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

Vestígio

Ela é Lirete, 67 anos. Ele é Zuza, 84 anos. Das experiências acumuladas de suas vidas, fazem um ensaio sobre...

A onça de Arapeí – Projeto lendas do Vale

Primeiro episódio de uma série em desenvolvimento sobre as lendas urbanas do Vale do Paraíba, interior do Estado de São...

Cachorro Louco

Todos os dias um motoboy morre nas ruas de São Paulo, deixando para trás, no asfalto cinza, a esperança de...

Gilete Azul

Um documentário provocante que faz uma experiência pública de sentimentos antagônicos de prazer e dor, influenciado pelo trabalho de Nazaré...

Dor Psíquica

Qual o significado de abordar o tema da dor psíquica em nossos dias? A cultura atual é marcada pela busca...

Sarcófago • O Ministério Underground

Por não serem aceitos em outras igrejas, um grupo de roqueiros funda um ministério cristão que une o heavy metal...