688513 visionados
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 4.2/5 (9 votes cast)

Poliamor

En una sociedad dónde predominan valores afectivos monogámicos, algunas personas optan por un orden de relación que está tornandose conocida como Poliamor.

Tema: COMPORTAMIENTO

Tags: afecto, afetividade, amor, monogamia, poliamor, relación, relacionamento

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 14'26"

Diretor: José Agripino

Produtor: Letícia Borazanian

Ano: 2010

Formato: HD

Montagem: Fábio Aguiar

Som Direto: Ruy Fialho

Fotografia: Julio Brunet

Trilha: Gui Ferrari

Prêmios:
Prêmio Mário Carneiro de curta-metragem no V Curta Atibaia.

Festivais:
1- Festival Brasileiro de Cinema Universitário- mostra informativa ,2- Curta Kinoforum Festival Internacional de curta- metragem de São Paulo – Agosto de 2010 – SP,3- Curta- Se Festival Iberoamericano de cinema de Sergipe – Setembro 2010 – SE,4- Curta Taquary- Setembro 2010 – PE,5- II Festival do Filme Etnográfico de Recife- Outubro de 2010 – PE,6- Mostra FestCine Noite Contemporânea – Outubro 2010 – RJ,7- V Curta Atibaia- VENCEDOR prêmio Mário Carneiro de Curta-metragem - Outubro 2010 – SP,8- 18º Festival Mix Brasil de Cinema da Diversidade Sexual- Novembro 2010 – SP,9- 7º Cinefest Votorantim – Novembro 2010 – SP,10- V Mostra Curta Audiovisual Campinas – Novembro 2010 – SP,11- VALE CURTAS - Festival Nacional de Curtas-Metragens do Vale do São Francisco – Novembro 2010 – BA,12- Cine Fest Inconfidentes – Novembro 2010 - MG,13- Cine Mube – Vitrine independente – Novembro de 2010 – SP,14 - Sercine - Festival de cinema universitário de Sergipe - Abril 2011 - SE

Filmografia do Diretor:
Primeiro filme.


Comentário do Diretor: Poliamor é um filme muito especial pra mim por dois motivos: ele é meu primeiro filme e por ser uma obra que se propõe falar de amor sem preconceitos.
Acredito que o Poliamor seja uma forma muito especial de relacionamento por propor uma abertura para a possibilidade de amar e de se relacionar afetivamente independente dos arranjos monogâmicos comuns de nossa sociedade. E por isso acreditei que esse assunto merecia um filme.
No fim acredito que fiz um filme simples que traz idéias muito interessantes para se prensar os relacionamentos afetivos. Não somente os relacionamentos poliamorosos, mas todos os outros modelos de relacionamento.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

  1. Roberta dice:

    Lol, é extremamente difícil abrir a mente pra isso, maaasss faz parte da vida, né ?!

  2. Felipe dice:

    Excelente a produção e as entrevistas! Vcs estão de parabéns! Me sinto muito melhor em saber que não estou sozinho e que tem muitas pessoas que pensam e vivem como eu!
    Se vcs precisarem de alguma ajuda na tradução pra algum festival ou mostra (inglês ou español), podem contar comigo! Abraço!

  3. LztPwBurZxGKeQm dice:

    I thohugt finding this would be so arduous but it’s a breeze!

CURTAS RELACIONADOS

¿Tu tienes identidad?

Dos jóvenes de locales urbanos historicamente opuestos hablan de la construcción de sus identidades. En medio a las hablas vemos...

Moinhos

Um andarilho da triste figura luta contra o lixo das ruas...seriam gigantes ou...

Baque Solto en Buenos Aires

Donde Carlos Gardel nunca cantó, Astor Piazzola nunca tocó; El tango no se baila, Pero Buenos Aires se...

Abriendo caminos

Para crear alternativas de reflexión y acción en torno a nuestro territorio surge un proyecto llamado Cartografía artística infantil donde...

Dos cafés

Después de 60 años juntos, el amor mantiene Argelia y Lazaro, hechos uno para el otro. Ha pasado más...

#IdeiasPerigosas

Em um universo cyberpunk centenas de pessoas, lideradas pelas #FEmininas, se reúnem formando uma Zona Autônoma Temporária de onde nascem...