Convocatória do Festival Antofadocs está aberta até 27 de agosto

postado em 02/08/2017


A sexta edição do Festival Internacional de Cinema Antofadocs acontece em Antofagasta, no Chile, entre 10 e 15 de novembro de 2017. Os diretores que desejem participar das competições devem se inscrever até domingo, 27 de agosto, nas diferentes categorias: Competição Internacional de Longa-metragens; Competição Internacional de Curtas-metragens; Competição Internacional de Novas Linguagens e, pela primeira vez, a nova Competição Nacional de Longas-metragens.

O regulamento pode ser conferido em www.antofadocs.cl ou através da plataforma Festhome. A seguir leia uma entrevista com a diretora e fundadora do Antofadocs, Francisca Fonseca, sobre as novidades para esta edição.

Na última edição do Antofadocs a ficção foi incluída nas competições. E para a edição 2017 alguma novidade?

Francisca Fonseca – Sim, no ano passado ampliamos as categorias com a inclusão da ficção, afinal nós somos o único festival da cidade e acreditarmos que o limite entre ficção e realidade está cada vez mais insignificante. Neste ano, pela primeira vez incluímos uma Competição Nacional. Cada vez mais estão sendo realizadas produções chilenas interessantes e de qualidade, por isso resolvemos abrir esta nova categoria. Mas, pela segunda vez, seguimos com o Mirando el territorio, uma vivência para realizadores que, durante a semana do festival, vão filmar 4 curtas-metragens em locações da nossa região, apoiando a produção de novas obras e dando visibilidade às belíssimas paisagens que temos, como o Deserto do Atacama.

Em 2015, Antofadocs teve o Brasil como país convidado. Em 2016, foi a Colômbia. Qual é o país convidade deste ano? Como ele é representado no festival?

Francisca Fonseca – De fato todos os anos temos um país convidado com a intenção de conhecer suas melhores produções. Em 2017, será a Espanha. Vamos realizar algumas mostras paralelas de diferentes diretores e gêneros. Teremos também a MICA, Mostra Internacional de Cinema Astronômico, que acontece na ilha de La Palma e tem relação com a nossa região ter os céus mais límpidos do mundo e por estar sendo construído aqui o maior observatório do planeta. Uma série de festivais espanhóis estarão presentes com a curadoria dos seus melhores filmes do ano passado e estamos preparando uma retrospectiva de um destacado diretor que em breve vamos poder contar.

O Conselho Nacional de Cultura e Artes finalmente criou a Comissão Fílmica de Antofagasta. O que isso significa para o cinema regional? E como o Antofadocs e os realizadores da região contribuíram para que isso se tornasse realidade?

Francisca Fonseca – Faz alguns anos que estamos trabalhando para criar comissões fílmicas regionais no Chile, já que somos um país tão diversificado e temos prioridades diferentes em cada lugar. O CNCA abriu um fundo em 2016 onde algumas das 15 regiões ganharam recursos para começar a criar as comissões e Antofagasta foi uma delas.
Em 2014, Antofadocs promoveu um encontro de comissões fílmicas regionais que já existiam na época e daí surgiu o Film in Chile, Associação de Comissões Fílmicas Regionais, da qual fazemos parte e trabalhamos paralelamente ao CNCA.
Para seguir apoiando as comissões fílmicas, neste ano novamente vamos realizar o encontro nacional na tentativa de avançar em diferentes temas como o trabalho com povos originários e filmagens. Teremos um convidado especial do Canadá que vai compartilhar a sua experiência com o tema.

Francisca Fonseca Arévalo (1976, Santiago/ Chile)
Em 2012 funda e dirige o Festival Internacional de Cinema de Antofagasta/Chile, Antofadocs, que tem como objetivo a difusão do cinema de ficção e não-ficção como uma ferramenta de transformação cultural e social, beneficiando a todos da região de Antofagasta, além de potencializar o desenvolvimento do setor audiovisual da região e do país.

No mesmo ano, criou a Agência Cultural Retornable e o Centro Artístico Cultural Retornable, dedicados à formação de públicos e à exibição de filmes em espaços ao ar livre na zona norte do Chile. Retornable também lidera o projeto Tomos somos diferentes, que promove o 3º Concurso Internacional de Curtas-Metragens de Inclusão, visibilizando de forma positiva pessoas com deficiência.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (1 vote cast)
Convocatória do Festival Antofadocs está aberta até 27 de agosto , 5.0 out of 5 based on 1 rating

Tags: cine chileno, convocatoria, entrevista, festival, inscrições

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*