Laboratórios para documentários de animação e coproduzidos entre América Latina e África no MiradasDoc

postado em 31/10/2017


AFROLATAM LAB | FÓRUM DE COPRODUÇÃO ÁFRICA – AMÉRICA LATINA II

Poderão se apresentar a esta convocatória projetos de documentários produzidos entre a África e a América Latina na fase de desenvolvimento. Esta relação deve acontecer por quaisquer um destes motivos: pelo tema do roteiro que combine uma história entre estas regiões, por coproduções entre países dos dois continentes, ou pelas localizações das filmagens nestes lugares.

Devem ser projetos de não-ficção com uma duração mínima de 60 minutos. Não serão considerados projetos de reportagens audiovisuais de caráter jornalístico ou informativo. A participação no AfroLatam Lab é gratuita.

O festival selecionará no máximo 5 projetos para a participação neste Fórum de Coprodução em razão dos informes elaborados pelos três especialistas internacionais. Os responsáveis pelos projetos terão a possibilidade de encontrar parceiros estratégicos, da industriais e financeiros entre os profissionais participantes do MiradasDoc Market para coproduzir seus projetos. Ainda assim, poderão apresentá-los aos membros da indústria em uma sessão com formato de pitching e contarão com uma agenda personalizada de encontros com os profissionais interessados nos seus projetos.

O Fórum de Coprodução entre África – América Latina acontece entre 30 de janeiro de 2018 durante o 12º Festival Internacional de Cinema MiradasDoc. Anteriormente à realização do Festival, durante quatro dias será ministrada uma oficina de desenvolvimento pela Claudia Rodríguez de Preciosa Media (Colômbia), com o objetivo de que o projeto seja apresentado no Fórum de Coprodução com a melhor qualidade possível.

Podem ser inscritos na convocatória produtoras da África, América Latina, Espanha e Portugal através do formulário de inscrição online devidamente preenchido e de acordo com o regulamento. O término da convocatória é em 20 de novembro de 2017.

BTG DOC: LABORATORIO DE DESENVOLVIMENTO DE DOCUMENTÁRIOS DE ANIMAÇÃO

MiradasDoc lança para sua edição 2018 o Laboratório de desenvolvimento de projetos de documentários de animação BTG DOC. A convocatória para participar nesta oficina se mentém aberta de 13 de outubro até 15 de novembro. A iniciativa acontece graças a colaboração entre o Festival Internacional de Cinema Documentário de Guía de Isora e o Laboratório Internacional de Animação Bridging the Gap (BTG).

A oficina tem caráter internacional e acontece entre 26 e 29 de janeiro de 2018 em Guía de Isora (Tenerife, Islas Canarias), durante o MiradasDoc Market como uma atividade de formação de mercado de MiradasDoc. Todo tipo de projeto unitário e séries documentais de animação podem ser inscritos, assim como curtas-metragens. A inscrição dos projetos será administrada pelo site do MiradasDoc.

O resultado da seleção será divulgado em 20 de novembro. As pessoas que representam os projetos selecionados, que somam 5, terão que contribuir com 200 euros de matricula, o que inclui alojamento no albergue do MiradasDoc em formato de quartos compartilhados e o credenciamento para participar do MiradasDoc Market.

BTG DOC é uma oficina especializada em documentários animados dirigida por profissionais da animação, onde os participantes podem adquirir todo o conhecimento necessário para realizar o seu projeto. A oficina será concentrada na parte de negócios, empresas e produção e, graças a atenção personalizada que os alunos receberão, seus projetos sairão reforçados. O formato combina conferências e aulas privadas.

FONTE: MIRADASDOC

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (1 vote cast)
Laboratórios para documentários de animação e coproduzidos entre América Latina e África no MiradasDoc, 5.0 out of 5 based on 1 rating

Tags: animação, animación, convocatoria, coprodução, coproducción, documental, inscrição, laboratorio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*