3143 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 3.3/5 (3 votes cast)

Água que não hás de beber

Documentário observativo sobre as obras de tubulação do Córrego Medrano. Filmado em novembro de 2012 em um bairro da periferia de Buenos Aires, o filme retrata um dia na vida dos trabalhadores de uma obra pública. Com um olhar atento e sensível, o documentário chama a atenção para o que para muitos é invisível em plena luz do dia nas ruas da cidade. Questões como a precarização do trabalho, a falta de planejamento na gestão de recursos, poucas medidas de segurança e o desperdício de água naturalmente passam despercebidas tanto para os vizinhos como para os próprios trabalhadores.

Tema: COTIDIANO

Tags: água, argentina, cidade, comportamento, cotidiano, medioambiente, meio_ambiente, obras_públicas, periferia, trabajadores

FICHA TÉCNICA

País: Argentina

Duração: 12'17"

Diretor: Edgar Dorta

Produtor: Jamila Venturini

Ano: 2012

Formato: HD

Montagem: Edgar Dorta

Som Direto: Edgar Dorta

Fotografia: Edgar Dorta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

Afogados pelo lixo

O documentário visa a conscientização do ser humano para sua relação com o meio ambiente, representando aqui, pela questão do...

Roda Mundo

A percepção urbana de Brasília e seus caminhos vistos pelos olhos de uma cozinheira moradora de Samambaia e usuária de ônibus,...

Urbe

Um documentário sobre uma cidade e sua alma. A presença da vida e da morte nos centros urbanos contemporâneos. Uma...

Figueira do Inferno

Um Registro Etno-botânico da utilização de Daturas e Brugmânsias no nordeste...

Nordeste B

Documentário experimental realizado a partir de sobras de um outro vídeo gravado no nordeste. Nordeste B é uma viagem poética...

Radix

Radix é um trabalho de conclusão para o curso de Comunicação Social da FUNEDI/UEMG. Quatro alunos em busca da radicalidade...