2409 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 4.5/5 (2 votes cast)

Foi uma vez

“Foi Uma Vez” desvenda a importância dos contos de fadas através do olhar de diferentes gerações. Do ‘Era uma vez’ ao ‘Viveram felizes para sempre’, o filme é permeado pelas experiências de crianças, adolescentes, adultos, pais, avós. Vivências, momentos lúdicos, depoimentos de especialistas, refletem sobre o papel, o valor e o significado dos contos de fadas hoje, e mostram que “essas histórias estão vivas e vão durar toda a eternidade...”

Tema: CULTURA POPULAR

Tags: contos_de_fadas, crianças, cuento_de_hadas, disney, especial_educação, infantil, niños

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 14'57"

Diretor: Renan Lima

Produtor: Larissa Pontez

Ano: 2009

Formato: HD

Montagem: Babi Fernandes

Som Direto: Natália Vestri

Fotografia: Bruno Peres

Festivais:
FBCU - Festival Brasileiro de cinema universitáiro,Miragem 2010,Cine Mube 2010

Filmografia do Diretor:
Filme: Talvez, Rockstar (2009)
Função: 1º assistente de direção
Direção: Fábio Aguiar

Filme: Pimenta (2009)
Função: assistente de produção executiva
Direção: José Eduardo

Filme: Foi uma vez (2009)
Direção: Renan Lima


Comentário do Diretor: Este é um trabalho realizado pelos alunos do Centro Universitário Senac, em São Paulo. Este não é o trabalho final de faculdade, e então eles decidiram tentar e mudaram todas as funções entre o grupo. Ninguém fez uma função que já tinha feito na faculdade, e por causa disso, todos aprenderam muito! O grupo ficou muito feliz com os resultados.
Dirigir o filme “Foi Uma Vez” foi uma experiência muito marcante. Acabei desenvolvendo uma pesquisa muito intensa em cima do tema e pude me aproximar ainda mais do assunto. Contei com a ajuda de uma equipe muito profissional e que me ofereceu todos os suportes para que eu pudesse realizer meu trabalho com sucesso. Tivemos muita sorte com todos os entrevistados, que trouxeram muito para o filme e para nossas vidas pessoais.
No processo de edição tivemos momentos surpreendentes, o filme se moldou de uma maneira diferente do que havíamos pensado inicialmente, mas isso fez muito bem ao filme, tivemos a atitude de tirar trechos do filme que não estavam se encaixando e isso foi de uma maturidade imensa, já que muitas vezes nos apegamos ao material e fica difícil cortar.
Enfim, gosto muito do resultado final e espero que as pessoas assistam ao filme e reflitam sobre o assunto que é tratado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. Walfrido Ferreira de Salvi disse:

    Ótimo, saber e conhecer histórias de vários rincões do nosso país, saber que não as raízes não se perdem

CURTAS RELACIONADOS

Paraíba do Forró – Som da Rua

José Antônio Bandeira é conhecido como "Paraíba do Forró e sua Gaita" no Nordeste inteiro. Apresenta-se em ônibus e nas...

Baile do Carmo

Considerado a mais sólida manifestação da cultura negra no município de Araraquara - SP, o Baile do Carmo é um...

Mina da Liberdade

Mina da Liberdade propõe uma imersão no universo cotidiano do Ilê Axé Ogum e Sogbô durante 3 dias de comemoração do...

Nosotros

Um projeto audiovisual de micro documentários temáticos, que refletem sobre o sentimento de nação das pessoas que habitam o UruguaiA experiência...

PS. Glauber, te vejo em Cuiabá

Por ocasião da Mostra Tempo Glauber, realizada em várias capitais brasileiras pelo SESC em 1986, dois artistas populares saem às...

Quando eu vestia meu terno de couro

Um resgate da figura do vaqueiro do Cariri Paraibano com depoimentos dos antigos vaqueiros da região. A vivência de suas...