3907 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (2 votes cast)

Sem perder a ternura

Dionata nasceu em um acampamento do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, na zona rural de Abelardo Luz, oeste de SC. Ele e seus irmãos estudaram desde criança em escolas com a pedagogia do MST. Hoje, Dionata é aluno do curso de Ciências Sociais da Universidade Federal da Fronteira Sul. Sua história e de sua família revela que a luta do movimento vai além da luta pela terra e que sua trajetória é um exemplo de conquista.

Tema: DIREITOS HUMANOS

Tags: educação, educación, especial_educação, especial_meioambiente, mst, pedagogia, UFFS

Continuação: Parte 1 - Parte 2

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 26'37"

Diretor: Marcia Paraiso e Ralf Tambke

Produtor: Marcia Paraiso

Ano: 2013

Formato: HD

Montagem: Glauco Broering

Som Direto: Ju Baratieri

Fotografia: Ralf Tambke

Trilha: Luiz Gayotto

Prêmios:
FAM 2013 - Prêmio Curta Doc Cinecipó - Menção Honrosa

Festivais:
FAM 2013 Cinecipó

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

Marçal de Souza, Tupã’I

Documentário sobre Marçal de Souza (Tupã'I) um dos maiores líderes guarani na luta pela demarcação de terras indígenas de Mato...

Foto Sensível

Histórias da praia da Armação,...

Eu, Favela

Com a recente implementação das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) em diversas comunidades do Rio, já se pode observar o...

Galeria

O teatro é mais louco que o crack. Experiência de um grupo de teatro que atua em unidades...

Verdade ou Consequência

Como a pessoa conhece as possibilidades do crime: vender drogas, roubar, matar? Porque dessa escolha: trauma, revolta, dinheiro, falta de...

Se todos fossem iguais

Enfoca o cotidiano de seis crianças na faixa etária de 7 a 12 anos, de diferentes classes sociais. Com falas...