3174 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 4.0/5 (1 vote cast)

Conversando com o Rio

"Quem lhes dirige esta Carta somos nós Vazanteiros, cujo nome vem da nossa agricultura associada aos ciclos de cheia, vazante e seca do rio São Francisco. Somos um povo que vive em suas barrancas e ilhas em permanente mobilidade, manejando os lameiros fertilizados que o rio devolve, tirando o sustento da pesca, do extrativismo e da criação de animais. Temos, porém, uma história de migrações ao longo do rio, cedendo a processos externos dos quais nunca fomos considerados. Hoje, depois de mais de 400 anos de convivência, querem nos expulsar das margens e terras altas que nos sobraram. Depois de muito judiarem do nosso rio com poluição, desmatamento, barragens e impactos de todos os tipos, vêm nos dizer que os territórios onde habitamos e tiramos o nosso sustento, é área de `preservação ambiental`, e que devemos sair daqui. É por isso que escrevemos esta carta, no momento em que muitos estão falando do rio São Francisco, falam em transpor suas águas, falam em transpor seus povos numa naturalidade só. Nós somos como o rio, sofremos com ele quando suas nascentes secam, seu leito se enche de areia, suas águas diminuem, perdem força, são represadas, poluídas, degradadas. O nosso reconhecimento é o reconhecimento do rio, o São Francisco não pode ser revitalizado sem nós, o povo Vazanteiro. A história conta, é nosso dever, nosso direito."

Tema: IDENTIDADE

Tags: especial_meioambiente, latifúndio, poblaciones_tradicionales, populações_tradicionais, ribeirinhos, ribereño, rio, rio_são_francisco, vacianteros, vazanteiros

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 25'54"

Diretor: Luciano Dayrell

Produtor: Helen Santa Rosa

Ano: 2009

Formato: HD

Montagem: Luciano Dayrell

Fotografia: Luciano Dayrell

Trilha: Daniel Lovisi

Festivais:
Mostra Internacional do Filme Etnográfico 2009

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

Eh Pagu, eh!

O filme conta um pouco da vida e da obra de Patrícia Galvão, a Pagu. Casada com Oswald de Andrade,...

Na corda bamba: as dores e as delicias da arte circense

O vídeo retrata as mudanças enfrentadas pela cultura circense, para concorrer com a gama de opções de lazer do mundo...

Andes Água Amazônia

Embora diferentes, as montanhas andinas e as florestas amazônicas são parte de um mesmo sistema: a água nascida nos cumes...

Os Caminhos Desconhecidos do Mundo Luz

O documentário acompanha o processo de cinco crianças de comunidades próximas à Universidade durante uma oficina de fotografia e aborda...

Água do Sertão

Gravado no interior do Ceará, nas localidades distritos dos municípios de Canindé e Aratuba, o documentário mostra moradores e moradoras...

Ulte

En las playas de Pichilemu vive el espíritu del Marero, su amor y relación con el mar genera un vinculo...