2808 visionados
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 3.7/5 (3 votes cast)

Despacho

Dançarino intervém no cotidiano de uma praça.

Tema: ARTES

Tags: arte, dança, performance

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 11'

Diretor: Jorge Schutze

Produtor: Cia.Ltda.

Ano: 2009

Montagem: Jorge Schutze

Som Direto: Aldemir Barros Junior

Fotografia: Aldemir Barros |Junior

Trilha: Uakti

Filmografia do Diretor:
Realiza documentação da Cia.Ltda, núcleo de investigação em Dança e ambiente


Comentário do Diretor: A dificuldade de captação das imagens desse documentário está no incômodo que a câmera pode provocar no público. Mas graças a Deus, pelo menos nesse dia, as pessoas ficaram muito a vontade, sem isso as gravações não teriam o menor sentido, já que o melhor do filme são as reações do público à presença inusitada do bailarino.

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

*

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

  1. Cleber Eduardo dice:

    A noção de performance em documentário, aqui, é expressa antes pelos rostos em reação, deslocados pela intervenção do dançarino na praça, e não pelo corpo em dança, mero pretexto e catalisador de efeitos no espaço público. A trilha musical, para mim um equívoco, cria um filtro protetor, procurando aparar as unhas sujas dos sons da praça.

    No votes yet.
    Please wait...

CURTAS RELACIONADOS

Drama de Payaso

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en

Encanto

 Un grupo de señores en Barcelona, España, cuidan y educan pájaros para competencias de canto. El filme ingresa al pequeño...

Desposesión

Una mirada hacia el crecimiento inmobiliario desordenado en la avenida que bordea el mar de la ciudad de...

¡Viva! ¡Chico Vive!

¡Viva! ¡Chico Vive! va levarte hasta las raices donde Chico Science empezo a crear la batida del Mangue. La pelicula...

(Português) Volta da Jiboia

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en

Fogo Interior

Passamos todos os dias por milhares de pessoas nas ruas e nem sequer imaginamos o que elas pensam, o que...