5384 visionados
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 3.0/5 (1 vote cast)

Arte no Espaço

Quando o assunto é a relação que a Bahia tem com a África, Pierre Verger é uma das referências mais representativas. O documentário "Arte no Espaço" prestigia a vida e obra do fotógrafo, utilizando depoimentos daqueles que conviveram com ele ou que seguiram seus ideais. Amigos, membros do Espaço Cultural e da Fundação Pierre Verger, além de estudiosos, como o historiador Cid Teixeira, enriquecem o vídeo relembrando situações, ressaltando a importância de seu trabalho, mostrando como Verger orientou sonhos e despertou o reconhecimento e identificação de pessoas com sua própria cultura.
Ponto de destaque no documentário é o Espaço Cultural Pierre Verger, que tem como um dos seus objetivos, a continuação do trabalho de Verger, através de oficinas que têm por temática maior a arte e a educação.

Tema: BIOGRAFÍA

Tags: áfrica, bahia, pierre_verger, salvador

Continuação: Parte 1 - Parte 2

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 17'

Diretor: Caroline Fantinel

Produtor: Caroline Fantinel

Ano: 2009

Formato: HD

Montagem: Eugeniusz Kowalski e Igor Souto

Fotografia: Caroline Fantinel

Trilha: Marcos Franco

Filmografia do Diretor:
Este foi meu primeiro filme. Foi minha iniciação no mundo do audiovisual. Foi a porta para eu me apaixonar pela arte do cinema.
No meu Trabalho de Conclusão de Curso, optei por construir um documentário e mergulhei fundo na história do fotógrafo frânces, Pierre Verger, e de fatos relacionados a sua pessoa que reforçaram a identidade cultural da população do bairro Engenho Velho da Federação (periferia de Salvador, onde ele passou grande parte da vida) com sua própria história.


Comentário do Diretor: Este documentário traz a história de uma figura marcante no cenário da Bahia e do mundo - Pierre Verger. Mais do que mostrar fatos relevantes de sua biografia, o vídeo Arte no Espaço, deixa clara a importância do fotógrafo/escritor no meio onde este viveu boa parte da sua vida. Através da sua obra, ele auxilia a comunidade do Engenho Velho da Federação (periferia de Salvador) a reconhecer e a se identificar com sua história, fortalecendo sua própria cultura.
Isso é forte até os dias de hoje, mais de 10 anos depois do falecimento de Verger. O documentário mostra isso através da história do Espaço Cultural Pierre Verger, forte instituição de arte e educação do bairro.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

    Este corto aún no ha sido comentado. ¡Sé el primero!

CURTAS RELACIONADOS

Toré – Celebração e resistência no Planalto Central

O Santuário dos Pajés, comunidade indígena pluriétnica situada em uma das últimas áreas de cerrado nativo da capital federal é...

Undó Aigô

Lenilson, funcionário de uma universidade no setor de limpeza, resolve um dia, após um sonho, começar a trabalhar com máscaras...

Heitor dos Prazeres

Memórias do sambista popular e pintor naif Heitor dos Prazeres em seu atelier na Cidade Nova, bairro decadente do Rio...

¿Ser o no ser?

A través de deposiciones personales, el racismo es discutido por los actores de la Co. de Teatro OS CRESPOS, en...

El sombrero de mi abuelo

El documental mostra la aproximación entre un abuelo sombrerero y sua nieta,...

Sebas es como es

Sebas es argentino y durante muchos años viajó por el mundo disfrutando de muy buena vida y gastando su dinero...