3906 visionados
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (2 votes cast)

¿Donde Está Latinoamérica? Percal

La visita de Rodrigo Rato, presidente del Fondo Monetario Internacional (FMI), a Buenos Aires, recrudece el sentimiento de anti-neocolonialismo en la población y robustece la identidad latinoamericana en la "más europea" de las ciudades del continente. Filósofos, cineastas, intelectuales y gente comum discuten la condición socioenconomia y cultural del país y comentan el viaje visual de este documental, búsqueda de una latinidad por las venas abiertas de esa ciudad en trance, antíguo Eldorado de la capital transnacional. Buenos Aires de 2004, rastros de la política del corralito, el Percal de la AL globalizada.

Tema: DERECHOS HUMANOS

Tags: américa_latina, argentina, buenos_aires, colonização, fmi, gerardo_vallejo, león_rozitchner

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 25'

Diretor: Pedro Dantas

Produtor: Sussuarana Filmes

Ano: 2005

Formato: HD

Montagem: Pedro Dantas

Som Direto: Luis Claps e Irina Kurschik

Fotografia: Cristian Cancino

Trilha: Martín Mirol e Orquestra Típica De Puro Guapos

Prêmios:
- Melhor Vídeo documentário 9º FAM (Florianópolis Audiovisual do MERCOSUL),- Melhor Filme da 7ª Mostra Londrina de Cinema pelo Júri Popular,- Melhor Som Direto no 4º Santa Maria Festival de Cinema e Vídeo – RS

Festivais:
9º FAM (Florianópolis Audiovisual do Mercosul),XXXII Jornada Internacional de Cinema da Bahia,Mostra do Filme Livre 2006,9º Festival de Cinema, Vídeo e DCine de Curitiba,9ª Mostra de Cinema de Tiradentes,Mostra Ajid De video, La Paz, Bolívia,7ª Mostra Londrina de Cinema,4a Santa Maria Mostra de Cinema e Vídeo

Filmografia do Diretor:
Pedro Dantas recebeu como diretor de filmes de Não-Ficção – KinOpoÉTicaS – Torpellino (2010), La Moneda (2009), Ermelino É Luz (2009), Lamento Paulista (2008), KollaSuyo - A Guerra do Gás (2006), a série original ¿Onde Está América Latina? (2005), e Argentina Acorralada (2003) - um total de 15 prêmios nos mais importantes festivais de cinema do país, tais como Gramado Cine Vídeo, Jornada Internacional de Cinema da Bahia, Festival de Cinema de Curitiba, FAM (Florianópolis Audiovisual do Mercosul) e Mostra do Filme Livre-RJ.
É Coordenador Geral e Curador do SP Leste em Movimento - 1º Festival de Cinema da Zona Leste de São Paulo, cujo a primeira edição foi em 02/2011. É bacharel em jornalismo elaa PUC-SP (2002). Foi bolsista no III Seminário de Roteiro e Produção Criativa de Audiovisual de Não Ficão da Uniacc / Ibermidia, em Santiago do Chile (2008). Cursou cinema no IDAC, Instituto de Artes Cinematográficas de Avellaneda, Buenos Aires, Argentina (1994).


Comentário do Diretor: Após a realização do premiado “Argentina Acorralada” (“Argentina Encurralada”, em português) para a TV PUC-SP, iniciamos uma nova produção para pôr em prática o prêmio que havíamos recebido com o documentário no Gramado Cine Vídeo/2003. Decidimos começar o novo trabalho no mesmo ponto onde havíamos terminado o anterior: a efervescente Buenos Aires do período “pós-corralito”, quando o país vivia a crise do confisco de todas aplicações bancárias de sua população. O projeto era ambicioso, pois se dispunha a refletir sobre uma América Latina que iniciava o século XXI borbulhando por movimentos populares contrários às políticas neoliberais instauradas desde as ditaduras militares que se impuseram em praticamente todo continente na segunda metade do século XX - articuladas por interesses forâneos, pela CIA, Operação Condor, “american way of life”, etc. O argumento era o próprio título: “¿Onde Está América Latina?” Uma pergunta bastante ampla que não existia apenas para obter respostas profundas, mas também para trazer a reflexão de forma multidisciplinar. O resultado de “¿Onde Está América Latina?” foi uma série de 3 curtas. “Percal” é o primeiro deles e recebeu prêmios como o de Melhor Vídeo Documentário do 9º FAM (Florianópolis Audiovisual do Mercosul), depois vieram “Uma Mina de Ouro em PuelMapu” e “Chile Top Ten”. A série originaria ainda mais dois médias-metragens: os também premiados “KollaSuyo - A Guerra do Gás” (Bolívia/ Brasil, 2005 / 2006 - 52 min) e “La Moneda” (Chile / Brasil, 2007-2009 - 52 min.).
Diferente daquilo que acontecera com o documentário anterior, Argentina Encurralada, a proposta era construir uma narrativa audiovisual que extravasasse a objetividade jornalística, abrindo espaço à subjetividade das expressões artísticas. Assim, através de gravações originais com Orquestra Típica de Tango, retratos poéticos do cotidiano, certos momentos de vídeo performático, além de depoimentos também com cineasta, historiador e filósofo, o curta explora diferentes possibilidades de narrativa audiovisual. Foi também o primeiro trabalho que incorporei aquilo que hoje identifico como técnica de Montagem com Sincronização de Sentidos. Esta técnica possibilita levar a narrativa audiovisual do documentário a além da objetividade textual. Porém, sem abrir mão da reflexão humana e de sua capacidade de elaboração textual através de depoimentos de estudiosos, artistas, intelectuais e cidadãos comuns em geral. A montagem não ilustra de forma pontual aquilo que o depoimento nos conta, mas atua como arte que irá revelar e provocar novas formas de compreensão e apreciação da realidade. A sincronização de sentidos significa que há em um mesmo momento do filme diferentes camadas de informação articuladas, o que permite ao espectador apreciar de diferentes maneiras a obra.
Ao longo destes 7 anos desde sua estreia, o curta continua ganhando importância e é constantemente convidado a exibições e a fazer parte de acervos de midiotecas e bibliotecas.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos necesarios están marcados *

*

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

    Este corto aún no ha sido comentado. ¡Sé el primero!

CURTAS RELACIONADOS

Horneros

En el pueblo de Cucullú, en la provincia de Buenos Aires, la actividad alfarera signa la vida de una mujer...

La gran Hora

“La Gran Hora” es una expedición a las fauces de los grandes relojes de la ciudad de Buenos Aires siguiendo...

Roda Mundo

La percepción urbana de Brasilia urbano y sus caminos a través de los ojos de una cocinera residente en Samambaia...

Caminos

Caminos se enmarca en una serie de cortometrajes documentales realizados sobre el ritual religioso y cultural del Kinfuiti, en el...

Bangu territorio en transición

Bangu Território em Transição es un documental corto-metraje con duración de 15 minutos, este filme provoca una reflexión sobre el...

Los Blanco

Hace 50 años, la familia Blanco vive en la misma casa, en la Calle Primero de Mayo, número 26, en...