3038 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 3.0/5 (1 vote cast)

Instante Anônimo

Vídeo sobre as pichações dos banheiros distribuidos nos sete andares do Instituto de Artes da Universidade do Rio grande do Sul, Curso de Artes Visuais e Música. Até que ponto o anonimato proporciona a liberdade de expressão e como usamos essa liberdade?

Tema: ARTES

Tags: banheiros, instituto_de_artes, pichações, ufrgs

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 7'

Diretor: Roberto Bitencourt

Produtor: Roberto Bitencourt

Ano: 2007

Montagem: Roberto Bitencourt

Fotografia: Roberto Bitencourt

Trilha: E se não for como faço para participar?

Filmografia do Diretor:
Estudante de Artes Visuais


Comentário do Diretor: A idéia partiu de uma inquietação relacionada às pichações. Denotavam um vazio existencial, um sexismo, deboche... pouca política, pouca poesia... seria este um sinal sobre como pensam estudantes de arte nos dias de hoje? Quais são as causas contemporâneas? Banheiro de artista é mais artístico?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

SAMPA GRAFFITI: Ignoto

Registro da realização de uma obra feita pelo grafiteiro Ignoto no bairro Jardim Romano, extremo leste de São...

As Cores da Terra do Sol: Diversidade Sexual em Heliópolis

Retratar e discutir o espaço que a diversidade sexual encontra no que é considerada a segunda maior favela de São...

Cola de Farinha.Doc

Documentário sobre lambe-lambe, mais uma vertente ativista da arte de rua. Utiliza cartazes como intervenção urbana com a transmissão de...

O Guarani

Espaço de encontro e formação para cinéfilos e cineastas de diversas gerações, o Cine Guarani foi um dos mais importantes...

Copacabana Tripulada

As curiosas rotinas de Didi, Sidney e Mário, três taxistas que trabalham à noite nas ruas de...

Inspiração

Em meio a uma família convencional, um jovem e um pássaro. Dois seres vivos convivem com sentimentos encontrados. Manuel acredita...