973 visualizações
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 1.0/5 (3 votes cast)

Outra Cidade

A minha cidade é muito grande, quase não tem fim. Em cada pessoa mora uma cidade, a cidade mora em mim. Meu nome é Coraci. Eu moro em Campinas, estado de São Paulo. Um dia, vi um vídeo chamado “Das crianças Ikpeng para o mundo”. Nele, encontrei um desafio: as crianças nos mostram sua aldeia e convocam uma resposta. Outra Cidade é onde me arrisco. Adentro na cidade quase sem fim. Me pergunto: quantas cidades moram em mim?

Tema: COMPORTAMENTO

Tags:

FICHA TÉCNICA

País: Brasil

Duração: 16'45"

Diretor: Coraci Ruiz

Produtor: Thaís de Souza

Ano: 2009

Formato: HDV

Montagem: Coraci Ruiz e Luiza Fagá

Som Direto: Julio Matos

Fotografia: Coraci Ruiz

Trilha: Paula Ferrão

Prêmios:
Menção Honrosa concedida pela ABDeC na 14ª Mostra Internacional do Filme Etnográfico

Festivais:
14ª Mostra Internacional do Filme Etnográfico (Rio de Janeiro, RJ) 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo (São Paulo, SP) VI Mostra Competitiva de Vídeos do Interior (Ribeirão Preto, SP) IV Mostra Curta Audiovisual Campinas (Campinas, SP) Mostra Livre do 5o. REC – Rumo Estação Cinema (Vitória, ES) Fest Aruanda (João Pessoa, PB) Festival Cinema Mundo (Itu, SP) Um novo olhar (Ribeirão Pires, SP) Festival de Cinema Percepções (Muriaé, MG) 4ª Mostra de Cinema Pedra que Brilha (Itabira, MG) Mostra do Filme Livre (Rio de Janeiro, RJ); MIAU – Mostra Independente do Audiovisual Universitário (Goiânia, GO) I MOVE – Mostra de Vídeo Etnográfico da Universidade Federal de Goiás (Goiânia, GO) 5ª Mostra de Cinema de Ouro Preto (Ouro Preto, MG) 6ª Mostra MOSCA (Cambuquira, MG) 5º Festival de Cinema Latino Americano de São Paulo (São Paulo, SP) AVer – Pricesa D’Oeste: Mostra Regional de Curtas Metragens 2012 (Campinas, SP)


Comentário do Diretor: "Outra Cidade" foi realizado como parte da minha dissertação de mestrado na Unicamp, na qual eu estudei o dispositivo documental das vídeo-cartas, que já vinha explorando em outros curtas desde 1999. Durante a pesquisa conheci o vídeo "Das crianças Ikpeng para o mundo", realizado pelo projeto Vídeo nas Aldeias, no qual as crianças apresentam sua aldeia e modo de vida, e convidam o espectador a fazer o mesmo. Resolvi usar esta vídeo-carta como mote para a realização de um curta que fala sobre a minha cidade, Campinas, no estado de São Paulo. Assim, convidei uma criança e dois adolescentes que viviam em situações bem diferentes na mesma cidade - uma menina de classe média, um menino de rua do centro e uma garota da periferia - para compor, comigo, esta "resposta".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Este curta ainda não foi comentado. Seja o primeiro!

CURTAS RELACIONADOS

As Cores da Terra do Sol: Diversidade Sexual em Heliópolis

Retratar e discutir o espaço que a diversidade sexual encontra no que é considerada a segunda maior favela de São...

Fezinha

O sonho de ganhar na loteria pela perspectiva de três personagens: uma octogenária, uma organizadora de bolões e um professor...

Dogão Calabresa

Morumbi, 15 de Dezembro de 2002, última partida do Campeonato Brasileiro de futebol. Enquanto Corinthians e Santos se enfrentam em...

Do solo à arte

Dona Sueli é uma artesã de Mantenópolis (ES), especialista no tratamento e manuseio da argila. Uma mulher que faz o...

O homem sem nome

Um peregrino chega à comunidade de Boa Vista, na Paraíba, Brasil, em 1947, sem mala e sem destino, fixa-se no...

Peregrinos

A Casa do Peregrino recebe durante todos os meses dezenas de jovens que chegam ao Rio para tentar a carreira...